Confira as novidades do nosso Blog

Otoplastia aberta ou fechada?

Uma técnica cirúrgica que ganhou muitos adeptos recentemente foi a otoplastia fechada ou sem cortes. Mas será que seus resultados são superiores à abordagem aberta?

Para respondermos a essa questão, primeiramente é necessário entender que orelhas proeminentes (de abano) são anormalidades congênitas que acometem 5% da população, e que são caracterizadas por concha valga, alteração do ângulo crânio auricular, ausência de moldagem de anti-hélice e hipertrofia da concha.

Existem diversas etapas cirúrgicas para tratamento dessas alterações, como os famosos pontos de Mustardé, que moldam a anti-hélice, e de Furnas, que ancoram a concha à mastoide. Porém, estratégias como o enfraquecimento da cartilagem conchal (Stenstrom), sua ressecção, ou ainda associação com lobuloplastia podem ser necessárias em casos mais severos.

Como a otoplastia fechada baseia-se em pontos de Mustardé embutidos, que não necessitam de um acesso na parte detrás das orelhas, ela é uma técnica reservada para casos leves a moderados de abano, em que o defeito se concentra na anti-hélice. Portanto, nestes pacientes os resultados podem ser duradouros, mas não são superiores aos da otoplastia aberta, opção mais completa e que permite a melhora de diversas estruturas anatômicas da orelha.

Conte com um médico especialistas e com as mais modernas tecnologias.

A cirurgia plástica ideal para mudar a sua vida!

Leandro de Aquino - Doctoralia.com.br

Instagram

Saiba mais sobre o meu trabalho e rotina!

Realizamos uma lipoescultura m…
É com satisfação que apresento…
Ontem, sexta-feira, realizamos…
Um caso bastante distinto dos…
A blefaroplastia superior ampl…
Hoje, realizamos uma cirurgia…